<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=332593&amp;fmt=gif">

UX writing: a importância da experiência do consumidor

Renan Andrade

UX Writing

Você já pegou um texto e desistiu de ler por achar muito complicado? Muitas vezes, né? Pois bem, é para isso que servem as técnicas de UX writing.

O que você vai ver neste post?

  • O que é UX Writing;
  • Quem é o UX Writing;
  • Por que UX Writing é tão importante;
  • Pilares do UX Writing;
  • Dois pontos super importantes sobre UX Writing. 

Afinal de contas, o que é UX writing? É algo importante mesmo ou é só mais um nome gringo (e até complexo de falar e escrever) que demos para alguma coisa dentro do marketing? 

Tenha calma, vamos explicar tudo certinho para você! Vamos lá: UX writing é quando nós (profissionais de marketing e comunicação) escrevemos alguma coisa garantindo uma melhor experiência para o usuário de um produto digital. 

Ah, mas isso, então, tem a ver só com textos grandes, tipo blogs e artigos? De forma nenhuma! Ux writing tem a ver com toda e qualquer interface, seja usar técnicas de persuasão para um texto de blog e e-mail, seja para textos de um site ou aplicativo. 

Veja também:

Baixe agora o ebook sobre "HubSpot: manual das principais funcionalidades da plataforma"


E por que UX Writing é tão importante?

UX Writing ajuda a criar uma conversa limpa e significativa entre um usuário e um produto. Sem essa conexão, o usuário pode se perder no meio do caminho e trocar o seu produto por outro da marca concorrente. Os profissionais especializados em UX Writing, chamados de YS Writers, preveem as necessidades desse consumidor para guiá-lo de forma estratégica, a fim de que não haja perdas.

O grande objetivo do Ux Writing é garantir a satisfação do cliente, otimizando a experiência dele na leitura e usabilidade das interfaces. Nesse caso, via de regra, o foco é oferecer uma experiência de qualidade e, consequentemente, a conversão. É diferente de uma página de captura, em que usamos algumas técnicas de escrita para chamar a atenção, porém, nesse caso, o foco seria as vendas. UXF está um passo antes dessa etapa. 

Uma das premissas básicas do UX é que o texto precisa fazer sentido com o momento, com a página e com o objetivo que queremos cumprir naquele momento. Basicamente, o UX se apoia em 4 pilares:

Clareza, concisão, utilidade e orientação. 

Clareza: não importa o tipo de texto, a sua informação precisa ser clara e transmitir a mensagem, de fato, para isso, o seu conteúdo precisa ter as ideias bem organizadas;

Concisão: seu texto precisa falar o que é necessário. É importante tomar cuidado com a prolixidade e evitar falar "demais", sem necessidade; 

Utilidade: sua mensagem precisa informar algo que faça sentido ao cliente e que agregue valor a ele de alguma forma, ou seja, sua mensagem precisa ser útil;

Orientação: oriente o seu cliente de maneira que ele chegue ao objetivo final da sua mensagem. Seja claro e constante no seu tom de voz e oriente esse processo com sabedoria. 

Certo, mas você deve estar se perguntando: por que isso é tão importante? Simples: nem sempre o seu usuário sabe o que fazer; na verdade, ele até pode saber, mas você pode não estar facilitando o processo, logo, ele pode se irritar e sair da sua página. 

A experiência do usuário é agregar valor ao conteúdo da sua página e guiar o seu lead no universo da sua marca. 

Imagine o seguinte cenário: você está em uma festa geograficamente perto de algum lugar bem conhecido por você e precisa muito ir ao banheiro. 

Bom, você fica no ambiente da festa durante alguns minutos e não consegue encontrar placas ou alguém que possa indicar onde fica o banheiro, aquele irritação começa a surgir - aquele momento que a sua cabeça começa, insanamente, a te falar: preciso de um banheiro, eu preciso muito de um banheiro, não estou encontrando um banheiro, vou ter que ir embora ou posso ir para aquele lugar que eu já conheço, que é aqui perto e é muito mais legal. Eu vou embora. 

exemplo ux writing

Depois de alguns longos minutos procurando, você, finalmente, encontra uma plaquinha pequena que diz: banheiros 🔜.

Nesse cenário, você chega ao banheiro e ele está lotado, logo, não pensa duas vezes: sai da festa e vai para aquele lugar que você conhece e é seguro. Ali, você nem pensa em voltar para aquela festa e, no final das contas, até convence seus amigos a irem ao seu encontro. 

Isso já aconteceu com você? Nesse cenário, você também poderia ter conseguido ir, de fato, ao banheiro, mas, na maioria dos casos, a pessoa se cansa da festa e não volta. 

Assim é com o seu texto e com as suas interfaces online: o seu cliente quer uma experiência facilitada, ele não quer ficar procurando o que deseja (um botão de cadastro, um campo de busca, informações sobre produtos, login etc). Ao se conectar com a sua interface, o lead pode amar e voltar ou ter tantas dificuldades para conseguir o que deseja que pode se tornar um detrator da sua marca e, além de não indicar o seu negócio, ainda fazer uma avaliação negativa para outros. 

As pessoas nem sempre vão se lembrar, de fato, do que foi lido em algum momento, às vezes (muito comumente), ela não vai se lembrar do texto, mas vai se lembrar do que sentiu ao ler aquilo que você escreveu e da experiência que aquela interface ofereceu. 

Para oferecer uma boa experiência, aqui vão dois pontos fundamentais aos quais você precisa se atentar:

Conheça o seu cliente 

Entenda a jornada do seu cliente, mas, para além disso, entenda e conheça o seu cliente. Nada pode ser feito sem que você tenha o máximo de conhecimento possível do público que você quer abordar. 

É muito importante que você conheça a fundo esse cliente (a persona ajuda muito aqui), saiba o tipo de linguagem com a qual ele se conecta, conheça os touchpoints que a sua empresa tem com ele na jornada de compra e que o seu direcionamento esteja alinhado com os seus objetivos em cada etapa da jornada e com a necessidade do cliente naquele momento.

Esse conhecimento e acompanhamento aprofundados da jornada do cliente podem trazer insights poderosos para o seu negócio. Atualmente, os avanços tecnológicos permitem que você utilize uma grande diversidade de ferramentas para te ajudar nesse processo de coleta de dados, tais como CRM integrado às suas ações de marketing e vendas e, até mesmo, o uso de inteligência artificial.    

Entregue valor

Como falamos anteriormente, UX Writing é muito mais do que só escrever um texto. O UX tem o objetivo de oferecer uma experiência, e essa experiência, por sua vez, irá levar o consumidor a adquirir o seu produto. 

Quer ver um exemplo prático de como a experiência do cliente é importante? Você, provavelmente, já conhece o LinkedIn, certo? 

Essa rede com foco na esfera profissional foi feita para te ajudar a utilizar a ferramenta da maneira mais assertiva possível. Desde o momento do cadastro até a hora de preencher a rede, a comunicação é simples e direta. 

Linkedin

 

Quando você olha para uma tela assim, você já sabe o que fazer sem precisar de qualquer explicação. 

As telas seguintes trazem o mesmo conceito, e a ferramenta é tão completa que, após finalizar o cadastro, ela te direciona a preencher alguns campos para obter um melhor aproveitamento da rede. Simples, prático e entrega além do que se espera. 

Observação: experiência do consumidor/usuário também tem a ver com a otimização e responsividade do seu site, ok? Não adianta ter um site bem escrito se você não está preparado para os diferentes tipos de screens que o consumidor pode acessar.

Dicas para direcionar o seu texto

Não podemos terminar este blog sem trazer algumas dicas para te ajudar a escrever textos melhores! É claro que, até aqui, você, com certeza, já entendeu muitas coisas sobre o universo do UX Writing, mas a pergunta que deve estar na sua cabeça agora é: tá bom, e como eu sei que estou escrevendo um bom texto, de fato?

Embora não seja tão simples (como você, com certeza, notou até aqui), é importante que você saiba mesclar alguns instintos e "skills'' para escrever um bom texto e proporcionar uma experiência do usuário que valha a pena ser lembrada e replicada. 

  • Escrever com uma boa ortografia e gramática; 
  • Uso de palavras eficientes;
  • Curiosidade e empatia;
  • Disposição para trabalhar com uma equipe (principalmente com os UX Designers);
  • Acompanhar as tendências do universo da tecnologia e design digital;
  • Enxergar os processos antes da venda.

E se você quiser aprender mais como melhorar o seu desempenho on-line, aproveite para conferir o último post aqui do blog: Site responsivo: Sua importância no mercado competitivo.

Site responsivo: Sua importância  no mercado competitivo

Até a próxima!

  
CONHEÇA A NOSSA BIBLIOTECA DE CONTEÚDOS
 
CTA-PEÇAS-BIBLIOTECA-DE-CONTEÚDO_Vertical

Assine para receber os melhores conteúdos sobre marketing educacional!

Mais Posts

Saiba mais sobre nós

Tecnologias que usamos

O mundo muda o tempo todo e com a tecnologia não é diferente! Aqui na Mkt4Edu, tecnologia está no nosso DNA, trabalhamos com diversos softwares diferentes para fazer todo o processo de automação e inteligência artificial funcionar com mais eficiência e alcançar mais resultados.

Aqui, novos softwares são testados o tempo todo. Ferramentas modernas e novas funcionalidades são testadas a todo momento, já foram mais de 200 testes para que você possa ter o melhor resultado na sua instituição.

Biblioteca de Conteúdos

EBOOK-MOCKUP-SEM-SOMBRA_Hubspot-Manual-das-principais-funcionalidades-da-plataforma
HubSpot: manual das principais funcionalidades da plataforma
 
Entenda como uma das ferramentas mais conhecidas no mundo e autodenominada "poderosa, mas não opressora" pode te ajudar a otimizar tempo com atividades manuais e fazer com que o seu time preste atenção naquilo que realmente importa: o cliente.
EBOOK-MOCKUP-SEM-SOMBRA_Inteligência-Artificial
Inteligência Artificial: A transformação do Marketing Digital na educação
 
Veja como a tecnologia impacta diretamente nas estratégias e resultados do Marketing Digital!
EBOOK-MOCKUP-SEM-SOMBRA_Branding-Educacional - como-construir-uma-marca-de-valor
Branding educacional: como construir uma marca de valor?
 
Não perca mais tempo dentro da sua instituição de ensino e saiba como apresentar seus diferenciais para construir uma marca de valor no mercado educacional.

Se ainda precisa de mais informações, deixe o seu contato que um de nossos Consultores fará contato com você!