<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=332593&amp;fmt=gif">

5 indicadores de captação estratégicos para instituições de ensino

Gustavo Goncalves

A captação de alunos é um dos maiores objetivos de uma instituição de ensino, afinal, é com a entrada de novos estudantes que você mantém as finanças em dia e pode perpetuar o negócio. Mas o que muitas não sabem é que, além da quantidade de matrículas, existem outros indicadores para instituições de ensino a serem monitorados diariamente.
Quer saber quais indicadores são esses? Siga com a leitura!

Untitled design-7-01


1. Custo por lead


O custo por lead é um dos indicadores de performance primordiais para qualquer instituição de ensino. Como você investe em ações de marketing educacional para atrair a atenção de pais e estudantes que ainda não conhecem sua instituição, é necessário monitorar quanto cada interessado está custando para o caixa da organização. O cálculo do custo por lead você confere neste outro post.


2. Custo por inscrito


Se você faz seu lead scoring, sabe que nem todo lead está pronto para se tornar um inscrito, e que o trabalho para converter um lead em inscrito também tem um custo, relacionado ao trabalho de marketing e vendas.
Dessa maneira, é essencial conhecer esse valor também, afinal, quanto menor o custo por inscrito, mais eficaz é a sua estratégia de conversão. O cálculo do custo por inscrito segue a mesma fórmula do custo por lead.


3. Custo por matriculado


Dos três indicadores para instituições de ensino apresentados até aqui, este é o mais importante, pois o que você realmente almeja são mais alunos matriculados.
O custo por matriculado também segue a mesma regra de cálculo que o custo por lead, mas aqui você considera como investimento todo o valor gasto, desde a captação do lead até a conversão em matrícula.
Lembre-se de considerar qualquer incentivo para a realização da matrícula neste valor, como um tablet oferecido de brinde ou então a isenção da taxa de matrícula.


4. Retorno sobre o investimento (ROI)


Outro indicador para instituições de ensino que deve ser levado em conta é o ROI (retorno sobre o investimento). Trata-se do valor que cada aluno captado gera ao longo do relacionamento com a instituição.
Digamos que você tenha gasto R$ 1000 na captação de um aluno e que, até o final do curso, ele trará R$ 10 mil de lucro para a organização. Isso quer dizer que você está ganhando 9 vezes o valor investido.
Para que você saiba aplicar a qualquer contexto o cálculo do ROI, eis a fórmula:
ROI = (RECEITA - INVESTIMENTO INICIAL) / INVESTIMENTO INICIAL


5. Lifetime Value (LTV)


O valor do ciclo de vida do aluno, ou lifetime value, corresponde ao valor total gerado pelo aluno ao longo de todo o relacionamento com a instituição. Assim, se você tem uma escola que atende alunos do maternal ao ensino médio, um estudante que passa 12 anos na sua escola tem um ciclo de vida de 12 anos.
Como você pode imaginar, quanto maior o LTV, maior a rentabilidade que o estudante traz para sua instituição. Portanto, é fundamental investir em estratégias de retenção e fidelização para que você possa estender ao máximo o ciclo de vida do aluno.
Para calcular o lifetime value, siga a seguinte fórmula:
LTV = VALOR MÉDIO DA MENSALIDADE X NO. DE MENSALIDADES X TEMPO DE RETENÇÃO DO ALUNO


O tempo de retenção do aluno pode ser calculado em meses ou anos, depende do tipo de curso que ele está fazendo. Vale lembrar que os cursos de extensão também podem ser considerados neste cálculo, ok?
Você utiliza esses indicadores para instituições de ensino, mas precisa melhorar os resultados ainda mais?
Temos 3 dicas infalíveis para captação de alunos, confira!

CAPTAÇÃO DE ALUNOS

  
Guia-do-Marketing-Educacional

Assine para receber os melhores conteúdos sobre marketing educacional!

Mais Posts

Tecnologias que usamos

Hubspot
logos tech-02
logos tech-03
logos tech-04
logos tech-05
logos tech-06