<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=332593&amp;fmt=gif">

Como criar um blog de sucesso? As 10 dicas essenciais!

Renan Andrade

como criar um blog de sucesso

Vai começar a escrever um blog empresarial ou quer entender o porquê dos resultados baixos do seu conteúdo? Nós temos as respostas para você saber como criar um blog de sucesso!

Apesar de não se tratar de algo complexo, é importante se atentar a algumas regras e dicas que são eficientes para se criar um conteúdo valioso. Depois dessa leitura, fazer marketing de conteúdo será muito fácil para converter visitantes em leads!

Para isso, confira, abaixo, tudo que você precisa para se tornar um expert no assunto e melhorar sua base de leads utilizando os recursos oferecidos por esse tipo de conteúdo. Acesse agora mesmo!

Neste post, você vai ver:

O que seria um blog de sucesso?
Confira 11 dicas para criar um blog de sucesso!
1 Defina suas personas para a criação.
2 Estude e aplique o Inbound Marketing.
3 Crie títulos que sejam atraentes.
4 Cuidado com a redundância: todo conteúdo deve ser relevante.
5 Seja sempre original!
6 Organize o seu funil de conteúdos. 
7 Blog post também é frequência.
8 Utilizar CTA. 
9 Não deixe o visual de lado: preocupe-se com o layout.
10 Analise a sua concorrência!
Coloque as dicas em prática!

Na prática, o que seria um blog de sucesso?

Um blog bem-sucedido nada mais é que um blog capaz de ser útil para os seus usuários e, ao mesmo tempo, servir como um meio de captação de leads no meio digital. Essa é uma das ferramentas exploradas no mundo inteiro, principalmente por ser de fácil acesso para grande parte da população e por ser entendido como um investimento que trará retorno para a empresa, pensando sempre em um cenário a médio e longo prazo, sem a necessidade e urgência de mídias pagas.

Confira 10 dicas de como fazer um blog fazer sucesso!

Chegou o momento de descobrir os segredos por trás de blogs que alcançam resultados e são capazes de criar uma base de leads. Confira 10 passos essenciais na hora de criar um blog!

1. Defina suas personas para a criação

Antes de escrever qualquer linha de conteúdo, é preciso ter bem definido para quem você fala. Sendo mais aprofundado que delimitar o público-alvo, é mais complexo trabalhar com personas, já que entender e construir esses elementos é uma maneira eficaz de alinhar a mensagem, tom de voz, pontos relevantes para o discurso e diversos outros pontos pertinentes à redação do blog.

A persona é um perfil fictício, baseado em dados reais e análises comportamentais do seu público. Em resumo, o rosto e a história serão dados ao modelo de potencial cliente para o seu negócio ou serviço. Assim, será muito mais simples escrever e direcionar o conteúdo.

Como um exemplo de persona, podemos imaginar o cenário: se você é gestor de uma empresa de assessoria de comunicação no setor de advocacia, sua persona é mais séria, centrada e com abertura para textos mais práticos sobre as nuances da profissão. Claramente, sua persona e a linguagem utilizada são divergentes de uma universidade que oferta graduações para as áreas de comunicação, como publicidade e propaganda, design gráfico e jornalismo. 

Isso acontece porque o modo de se comunicar e os objetivos a serem alcançados são diferentes. Para alinhar todos esses pontos e se aproximar da realidade do seu lead qualificado, trabalhar sua persona pode ser primordial na hora de obter bons resultados.

2. Estude e aplique o inbound marketing

Conhecido como marketing de conteúdo, o conceito de inbound marketing foi criado, em 2006, por Brian Halligan e Dharmesh Shah (parceiros que, juntos, criaram o Hubspot). Indo na contramão do tradicional e mundialmente conhecido outbound marketing, o inbound é uma maneira de atrair novos clientes por meio da criação de conteúdos relevantes e úteis aos usuário. 

Como o próprio título do livro escrito pelos co-fundadores do Hubspot sugere, pode ser esclarecido como uma maneira de ser “[...] encontrado usando o Google, a mídia social e os blogs”. Esse deve ser o seu norte na hora de produzir os seus conteúdos. Com as técnicas desenvolvidas para essa estratégia, seus resultados podem ser otimizados e os textos feitos com mais assertividade.

Sabendo da relevância disso para o sucesso do seu blog, busque fontes seguras de conhecimento sobre o inbound marketing e não perca mais tempo!

3. Crie títulos que sejam atraentes

Criar um título eficiente, que fisgue a atenção do leitor, pode ser essencial e ser explorado de duas formas diferentes, sendo elas: a pergunta ou resposta de uma dúvida ou utilização de números para chamar a atenção.

a) Pergunta ou resposta:

Quem tem uma dúvida busca, de forma rápida, uma página que pode oferecer o esclarecimento da questão. Para isso, formular uma frase que levante o mesmo questionamento ou que chame o leitor para encontrar a resposta é eficiente. 

Exemplo: 

  • Qual a melhor estratégia de marketing? Descubra!
  • O que é inbound marketing? 
  • Tudo que você precisa saber sobre marketing.
  • Guia completo sobre psicologia das cores.

b) Utilização de números:

Um dos artifícios mais utilizados para chamar a atenção e atrair o olhar do usuário para a sua página é criar títulos que explorem quantidades de respostas. Dessa forma, é possível passar a ideia de praticidade e facilidade para o usuário que quer aprender mais sobre determinado assunto.

Exemplo:

  • 5 formas de fazer bolo de cenoura.
  • 7 melhores estratégias de comunicação.
  • Descubra os 3 melhores investimentos. 
  • 10 erros para evitar na hora de criar um blog!

Seja a primeira, seja a segunda opção escolhida, em qualquer uma delas você deve investir na inserção de palavras-chave. Também conhecidas como Keywords, elas são palavras que são valiosas na hora de analisar o SEO da página, sendo a chave para entregar o seu conteúdo aos usuários certos, evitando que o seu conteúdo se perca em meio aos demais.

Se seu conteúdo é sobre bolo de cenoura, em vez de utilizar o título “5 receitas de bolos feitos com cenoura”, os mecanismos de busca entregarão melhor o conteúdo se o título for mais direcionado, como “5 receitas de bolo de cenoura”. Percebe a diferença? Essa é uma dica valiosa na hora da criação!

4. Cuidado com a redundância: todo conteúdo deve ser relevante

Aproveite o conteúdo para ser relevante e útil. Em um texto de blog de sucesso, você deve, ao máximo, evitar a redundância e a inserção de informações que não são importantes ou não fazem sentido para o contexto.

Se não há mais formas de explorar o assunto de forma interessante e agregadora para o todo, é melhor que o conteúdo seja finalizado. Isso advém de um simples pensamento: por que desperdiçar o tempo do usuário fazendo com que ele leia a mesma sentença de diferentes formas? Além de não ser valoroso para ele, será uma grande demonstração de despreparo e falta de compromisso com os leitores.

Posto isso, busque colocar no blog apenas o que acrescenta. Se for descartável, não hesite em fazer isso. 

Veja também:

New call-to-action

5. Seja sempre original!

Para os mecanismos de busca, a aparição de conteúdos replicados é passível de punição em relação à indexação e ao posicionamento nas páginas de pesquisa. Para empresas como o Google, originalidade é sinônimo de qualidade, priorizando, assim, aqueles que se dispõem a ser originais.

Além disso, se você quer construir conteúdo rico para o seu blog, não há razão que justifique o plágio. Ações como essa podem afastar leitores que vão entender seu material como irrelevante e pouco confiável. Assim, trabalhe para entregar materiais inéditos e que possam agregar valor a quem dedica seu tempo à leitura de suas páginas. 

Esse é um princípio básico na criação de qualquer tipo de conteúdo que pode ser feito, mas sempre vale o reforço: mantenha-se original e confie na qualidade do seu produto!

6. Organize o seu funil de conteúdos 

Um dos princípios do inbound marketing é possuir um funil de vendas bem estruturado para entender a jornada de compra do consumidor e conseguir levá-lo por diferentes etapas, desde a consideração até a captação do lead e, posteriormente, conversão do usuário em cliente ou assinante do serviço.

Podemos dividi-lo em topo, meio e fundo de funil. De maneira prática, podemos defini-los da seguinte maneira:

  • Topo do funil: a maioria dos usuários que busca uma informação sobre o produto ou conteúdo. Para esse grupo, não é o momento de tentar uma conversão e sim de ser útil e solucionador.
  • Meio do funil: nem todos evoluem para a próxima etapa (o meio), isso ocorre porque nem todos estão buscando, de fato, uma solução para aquela dor, mas apenas tentando entendê-la. Aqui, o conteúdo começa a introduzir a empresa de maneira sutil e sem exageros, sendo fundamental para a qualificação desse lead.

  • Fundo do funil: na última e mais importante etapa, os que permaneceram são valiosos por se encaixarem no perfil de cliente buscado pela empresa. Esse é o momento ideal para falar da empresa e explicar como ela pode solucionar o problema.

Assim, cada texto deve ser pensado para guiar o usuário de maneira efetiva para o fundo do funil, sem pressioná-lo ou bombardeá-lo com materiais massivos sobre venda. Texto de blog é uma maneira de fortalecer o marketing de relacionamento, por isso, é importante entender e respeitar as diferentes etapas de evolução.

7. Blog post também é frequência

Sabendo que blog é um investimento para se conseguir resultados a médio e longo prazo, não há como desenvolver alguns conteúdos e parar constantemente a produção, criando um grande espaço de tempo entre um conteúdo e outro. Isso porque pode passar ao leitor uma sensação de abandono ou, até mesmo, de inatividade.

A constância é também a chave para chamar a atenção dos mecanismos de buscas, mantendo-se produtivo e relevante na criação de conteúdos. Além disso, quanto mais conteúdo é produzido, mais você é visto como uma autoridade no assunto, o que torna o seu canal confiável. 

Posto isso, invista em frequência no seu blog, alimentando-o com materiais relevantes, que façam sentido para quem está em qualquer uma das etapas do funil de vendas.

8. Utilizar CTA 

As Call to Actions ou Chamadas para Ação podem ser definidas como botões utilizados com o intuito de direcionar o usuário para realizar uma ação que o leve mais a fundo no seu blog, a fim de guiá-lo na sua jornada do funil ou ser ponte para landing pages, em que o usuário pode, enfim, tornar-se um lead cada vez mais qualificado para a empresa.

Seu nome é baseado nos verbos no imperativo, que convidam o leitor a chegar ao objetivo. Por exemplo: é comum encontrar CTAs como:

  • Acesse agora!;
  • Assine o plano mensal!;
  • Não perca tempo;
  • Compre agora;
  • Venha fazer parte.

Apesar de simples, essa é uma ação capaz de gerar resultados, principalmente para manter o usuário nas suas páginas, diminuindo a taxa de rejeição do site, e se colocar no inconsciente do leitor.

9. Não deixe o visual de lado: preocupe-se com o layout

Apesar de saber que o conteúdo é extremamente importante, o visual também deve ser levado em conta na construção do seu blog. Esse é um item que pode afastar o leitor, quando trabalhado da maneira errada.

Para ilustrar melhor, imagine um site sobre meditação em que o usuário, ao tentar ler o conteúdo, depara-se com cores fortes, imagens grandes, letras pequenas e pouco espaço de respiro entre os parágrafos, além dos muitos gifs animados e brilhantes. Para ele, o desconforto visual pesará mais que a qualidade do conteúdo. 

Viu só como o meio influencia negativamente na mensagem? Não deixe que isso ocorra em sua página! Busque fundos mais sóbrios, sem cores chamativas ou elementos visuais que tirem a atenção do leitor. Ao fazer o layout e a composição, coloque-se no lugar do usuário e busque sempre o que for melhor para a experiência dentro da página como um todo.

10. Analise a sua concorrência!

Calma, esse não é um tópico incentivando o plágio de conteúdos! Analisar a concorrência é algo saudável, que deve ser feito por toda empresa. Isso porque é uma maneira prática de entender o comportamento dos demais e saber como se destacar entre eles. Simples assim.

Dessa forma, no processo de estudo da sua própria estratégia, você entende o mercado ao seu redor para poder construir ações sólidas e assertivas, baseadas no que você pode oferecer e desenvolver junto a sua equipe. Essa também é uma maneira de estudar conteúdos que estão de fora, mas que parecem relevantes para o mercado como um todo.

Coloque as dicas em prática!

Agora que você sabe tudo para criar um conteúdo de sucesso, seja no wordpress blog, seja no hubspot, seja em qualquer outra plataforma, é hora de aplicar todos os conhecimentos e buscar criar materiais cada vez mais ricos e úteis para aqueles que chegam à sua página.

Se você pretende ir ainda mais fundo nessa pesquisa para aprimorar seus conhecimentos na área, não deixe de conferir o post que trata sobre “Blog Posts: 6 erros mais cometidos ao fazer uma publicação” e crie blogs cada vez mais preparados para atender aos leitores nas diferentes etapas da sua jornada no funil!

Blog Posts: 6 erros mais cometidos  ao fazer uma publicação

  
CONHEÇA A NOSSA BIBLIOTECA DE CONTEÚDOS
 
CTA-PEÇAS-BIBLIOTECA-DE-CONTEÚDO_Vertical

Assine para receber os melhores conteúdos sobre marketing educacional!

Mais Posts

Saiba mais sobre nós

Tecnologias que usamos

O mundo muda o tempo todo e com a tecnologia não é diferente! Aqui na Mkt4Edu, tecnologia está no nosso DNA, trabalhamos com diversos softwares diferentes para fazer todo o processo de automação e inteligência artificial funcionar com mais eficiência e alcançar mais resultados.

Aqui, novos softwares são testados o tempo todo. Ferramentas modernas e novas funcionalidades são testadas a todo momento, já foram mais de 200 testes para que você possa ter o melhor resultado na sua instituição.

Biblioteca de Conteúdos

EBOOK-MOCKUP-SEM-SOMBRA_Hubspot-Manual-das-principais-funcionalidades-da-plataforma
HubSpot: manual das principais funcionalidades da plataforma
 
Entenda como uma das ferramentas mais conhecidas no mundo e autodenominada "poderosa, mas não opressora" pode te ajudar a otimizar tempo com atividades manuais e fazer com que o seu time preste atenção naquilo que realmente importa: o cliente.
EBOOK-MOCKUP-SEM-SOMBRA_Inteligência-Artificial
Inteligência Artificial: A transformação do Marketing Digital na educação
 
Veja como a tecnologia impacta diretamente nas estratégias e resultados do Marketing Digital!
EBOOK-MOCKUP-SEM-SOMBRA_Branding-Educacional - como-construir-uma-marca-de-valor
Branding educacional: como construir uma marca de valor?
 
Não perca mais tempo dentro da sua instituição de ensino e saiba como apresentar seus diferenciais para construir uma marca de valor no mercado educacional.

Se ainda precisa de mais informações, deixe o seu contato que um de nossos Consultores fará contato com você!